Crítica para Jogos(PC) - Borderlands

Borderlands é um jogo com perspectiva em primeira pessoa, mas relativamente diferente dos demais títulos do gênero FPS, pois conta com diversos elementos de RPG. Desenvolvido pela Gearbox Software, que também é responsável pelos jogos da franquia Brothers in Arm, o jogo coloca você no comando de diversas classes diferentes, cada uma com suas características próprias.

Ao todo, existem três classes diferentes: Soldier (soldado), Hunter (caçador) e Siren (sereia). Destaque para os Soldiers, que contam com uma vantagem interessante. Quem op
tar por estes soldados não terá de se preocupar com a aquisição de munição. Os Soldiers contam a Digital Backpack, uma espécie de mochila em que é possível obter itens físicos carregando apenas dados digitais.

Além disso, é possível fazer com que seus personagens ganhem novas habilidades, que são adquiridas conforme o jogador progride pelo game. Algumas destas capacidades ampliam o tempo de recarregamento, defesa e muito mais. Mas nada se compara a grandeza do arsenal de Borderlands.

O jogo conta com um sistema capaz de fornecer cerca de 500.000 tipos de armas diferentes. Para identificar cada uma delas, basta se aproximar e verificar atributos que aparecem na tela. Através da aparência também é possível perceber se está visualizando um rifle bom ou não. Armas com barris maiores são mais precisas, enquanto cores demonstram as propriedades especiais de cada uma delas (incendiária, corrosiva ou elétrica). O pente de munição e a mira também podem ser vistos sem dificuldade.



Fora isso, Borderlands também oferece um modo de cooperativo repleto de possibilidades. É possível pilotar veículos em dupla e alterar entre motorista e atirador enquanto joga. O jogo está disponível para PC, Xbox 360 e PlayStation 3.


Requisitos

Requisitos Recomendados


Processador: Pentium IV 2.4 GHz ou Athlon equivalente
Velocidade do processador: 2.4 GHz
Memória RAM: 1 GB
Memória de vídeo: 256 MB
Direct3D: Sim
Rasterization: Sim
Hardware T&L: Sim
Versão do DirectX: 9.0c
Sistemas Operacionas: Windows XP, Windows Vista
Espaço: 8 GB livres em disco

Vídeos Relacionados


Vídeo(Trailer)

Crítica/Sugestões...............Nota Geral:
8,0

Fico cada vez mais imprecionado na facilidade que os jogos desse final de ano estão saindo. Apesar de serem poucos mais todos tem a qualidade em primeiro lugar. Falando especialmente de Borderlands o jogo mostra um novo estilo de jogo em FPS com uma pitada de muita(//mas, muita mesmo) quest. O jogo tem uma forma de traçados do jogo de forma única em algumas cenas em especiais lembra os traços de um Anime ou Manga(//bem no estilo japonês). Borderlands só perde que quest apesar de todas serem diferentes entre si você consegue notar nitidamente a repetição estampada naquela missão com otra passada. Outro ponto que cansa o jogador bastante é a volta das quest's porque seja de onde for em 80% das quest's você tem que voltar um caminho(//onde é obrigatório você se teletransportar para outro mapa pra conseguir chegar ao seu destino) que geralmente é feito a pé. Apesar de existirrem veículos para facilitar a sua locomoção. Mas, apesar de alguns pontos negativos Borderlands consegue lhe dar horas de diversão diferenciada. Então vai por mim, só fale de Borderlands após tê-lo jogado porque garanto que você nunca viu nada igual.





Observações: Quem tiver qualquer dúvida e/ou sugestões, pedidos de crítica de jogos ou que gostou de algum jogo é quer os links de download, mande e-mail para shadow.ivan@hotmail.com . Assim, que possível eu responderrei os e-mails.
Crítica para Jogos(PC) - Borderlands Crítica para Jogos(PC) - Borderlands Reviewed by Shadow on 14.11.09 Rating: 5

Nenhum comentário