Meu primeiro RPG ...















Há dois modos de começar a jogar RPG, um sendo instruído por um jogador ou mestre Veterano, ou aprendendo em conjunto com os amigos, no meu caso foi à segunda opção. Isso faz retornar a tempos antigos, á mais de uma década a trás, mas antes de contar minha parte, preciso contar do Al, já que ele que me mostrou a primeira vez esse jogo ...

A primeira vez que o Al ouviu falar sobre RPG de mesa, foi quando ele tinha lido uma matéria em uma revista de Video Games bem antiga, que falava sobre Shadowrun de tabuleiro, mas nunca fui atrás. Foi quando ele conheceu o Tadeu (Um cara que trabalhava em uma loja de vídeo games no nosso bairro), uma vez trocando ideia com ele, e ele perguntou se o Al já tinha jogado RPG de mesa, ele tinha falado que não, só sabia vagamente o que era, ele explicou o que era, e mencionou que quando ele chegou a jogar, foi o 3D&T da capa azul, antes de ser turbinado, conversando com ele, o Al criou interesse e acabou comparando uma Dragon Brasil, que matéria de capa era dos Thundercats (Essa Revista ainda esta na minha casa ou do Al), deu uma folheada, mas nada que podia levar ele a começar a jogar, em um dia ele viu o 3D&T na banca de jornal, e decidiu comprar, mas no começo ele teve receio de narrar e convidar pessoas para jogar com ele na época, devido dois fatores, Timidez (quem me conhece ele hoje nem acredita que era tímido) e Medo que pessoas recusassem a jogar algo só com dados e narrativa com ele.



Então o Al conheceu o Leandro, que ele ia à loja do Tadeu com frequência, eles trocaram ideia, e tentou convencer ele a narrar, não deu certo (mas faturamento ele iria entrar no grupo), então o Al foi persuadido pelo Tadeu a começar a narrar. Decidido que iria fazer isso, juntou com Jonathan que era amigo dele e o Franz que falava com eles na época, e fizeram a primeira sessão deles em uma praça (Al acha que foi coisa mais sem cabimento se for para pensar hoje). Um tinha fugido do ritual que transformou ele em um vampiro e outro era vampiro que estava zanzado na cidade, sem motivo algum eles começaram a brigar, e sem motivo maior ainda, chegou vários aldeões enfurecidos querendo matar eles, coisa de gente juvenil que não tinha um veterano para guia-los. No final foi tão divertido para eles, que o Jonathan e o Franz queriam continuar a jogando, então o Al decidiu chamar mais gente, nessa que entro Eu e o Rubens. 



Eu já tinha estudado com Al antes (Estudei com ele acredito na 1ª ou 2ª série, e na época que voltamos a se falar estávamos na 5ª para 6ª serie) e andava com o Rubens (que morava perto de mim) que já conhecia o Al por causa da loja do Tadeu. Então o Al contou por cima como funcionava esse tal de RPG, achamos interessante e aceitamos a jogar, mas como eu era na época uma criança criada pelos avós não podia fazer nada fora de casa, o que levou o pessoal a jogar no salão da minha casa, mas por algum motivo o Rubens não pode jogar com a gente, mas para preencher o buraco meu irmão Rafael assumiu o lugar (na época com 9 para 10 anos de idade) e assim o meu primeiro grupo foi formado.



Jogávamos com frequência todos os dias no meu salão, um jogo com uma mistura de anime com fantasia medieval e horror, tudo que um sistema como 3D&T nos deixava fazer, já que no Grupo tinha dois vampiros, um Gárgula (Eu na época estava fissurado pelo desenho) e um Minotauro com cabeça de leão. Sim como todo iniciante, cometi cagadas absurdas (como tentar voar dentro de uma casa), mas também enfrentamos desafios épicos e teve sacrifícios não tão épicos (como o do meu irmão). Mas o que importa é que nos divertia, o nosso foco era a diversão e por causa do 3D&T que deixava você matar um dragão com uma bola de papel, a nossa imaginação não tinha limites. 


Claro depois veio o Luan (Colega de sala do Jonathan) assim agregando um Elfo de fogo ao grupo, meu irmão como toda criança perdeu um pouco do interesse, mas jogava em vez de quando, nisso também aconteceu a saida do Franz do grupo e o Claudio (KK) que de algum modo Randon começou a falar com a gente e acabou entrando também no Grupo, por fim criando um grupo que iria jogar juntos por muitos anos.



Para concluir a historia de como conheci o RPG, um convite de um garoto que mal eu conversava me levou a um mundo de imaginação e amizade, graças aquela iniciativa conheci os meus grandes amigos e um hobbie para vida inteira, até hoje o 3D&T (atualmente na versão Alpha) tem um lugar no meu coração, pois sem ele não teria me tornado o Nerd que sou hoje rodeado por amigos incríveis. Ficou um pouco longo, mas fazer o que é uma parte da minha vida, agora que sabem como encontrei o 3D&T que foi o meu primeiro RPG no próximo post eu explico o que é o 3D&T

Aproveite e deixe também a sua historia nos comentários e se gostou não se esqueça de compartilhar.
Meu primeiro RPG ... Meu primeiro RPG ... Reviewed by SiriosCh on 16.1.14 Rating: 5

Nenhum comentário